19 de jul de 2009

Rôgo da Bala

1 morro aos poucos
subindo / subindo
descendo / descendo aquele morro
2
e
c
a
v
a
n
d
o e explodindo aqueles corpos,
vestida de pólvora ou alucinógeno

3
devolvam minha doçura !
devolvam a vossa doçura !
aticem nessa amargura !
branco branco paz açúcar !